sábado, junho 14, 2008

Suavidade do Amor


Perco-me na tua geografia secreta
Onde encontro caminhos
Que percorro com desejo
Descobrindo novos mundos,
Novos sabores e sentidos,
Entre cheiros e toques
Na suavidade do amor.
Entre ondas ferventes,
Entrego-me à luxúria do desejo,
Na profundeza dos suspiros
Que soltamos uníssonos.
Movem-se ondas salgadas
Vagarosas e pacientes,
Orvalhadas de cobiça e afectos
Benevolentes e famintas de nós.


Vera Sousa Silva
Enviar um comentário