segunda-feira, março 05, 2007

Palavras de Amor

Não há palavras de amor tão abrangentes
Que digam tudo o que sinto por ti,
Só dizendo-te mil, todas diferentes,
Perceberias o amor que nunca te escondi.

Amo-te hoje, amanhã, ontem…
Em cada dia da minha alegre vida!
Amo-te até que finalmente se esgotem
As palavras e a letra adormecida!

E quero-te, com uma força abismal,
Sempre a meu lado, meu terno marido!
És o meu deus, absoluto e genial,
E por te amar a vida faz sentido.

E desejo-te, com um desejo e sofreguidão,
Teu corpo, tua alma, teu ser em mim!
És o senhor supremo do meu coração,
Soberano do meu reino até ao fim.

E venero-te, por todos os feitos grandiosos,
Por cada passo em frente que deste.
E se existem homens maravilhosos
Estás entre eles, por tudo o que fizeste!

E adoro-te! E como te adoro!!!
Mas tanto, com tamanha paixão!
Se estou longe de ti choro
Até voltares e derrubares a solidão.

Como te amo tanto, com ardor,
Meu príncipe encantado, minha alegria!
És e serás sempre o meu grande amor
E a ti dedico esta doce poesia!
Vera Silva
Enviar um comentário