sexta-feira, setembro 29, 2006

Eu e Tu

Quero amar-te...
Mas algo me impede!
Quero entregar-te meu coração...
Mas algo o pressiona!
Quando sinto a tua boca na minha,
Imagino-me dona das estrelas.
Quando sinto o teu abraço forte,
Que faz chocar o meu peito contra o teu,
Sinto vontade de te amar...
Mas não posso!
Queria poder gritar bem alto
Que te amo...
Mas acho impossível fazê-lo!
Quando vejo os teus olhos brilhantes,
Sinto que as minhas lágrimas vão rolar.
Quando sinto a tua mão tocar-me,
Um arrepio percorre todo o meu corpo.
Sinto-me egoísta
Pois quero que sejas meu,
Mas não posso ser tua
Perdoa-me a “traição”!
Mas quero amar-te
E não posso...
Do fundo do meu coração
Agradeço tudo aquilo que me entregares,
Mas quando penso em ti
Tudo se torna mais claro.
Quando sonho contigo
Sinto a tristeza diminuir.
E aí surge a pergunta:
Quem sabe um dia?...
Porquê querer e não poder?
Enviar um comentário