domingo, março 02, 2008

Amor... Sem ti


Escuto o teu dormir

Nas madrugadas silenciosas

Que me ferem a alma de saudades.

Roubo-te beijos em sonhos

E guardo-os, como tesouros,

Por trás do luar

Com que me visto para ti.

Não me vês...

Mas estou aqui,

E sinto cada gesto

Como se fosse meu.

Sei o gosto desse beijo

Que nunca me darás,

E sinto o teu abraço

Que me tira da solidão

Por breves instantes...

Sei que é amor,

Sem desejos secretos

Para além de te amar,

Sem mentiras nem esconderijos,

Sem loucas demências,

Sem ti...
Vera Silva
Enviar um comentário